sábado, 4 de outubro de 2008

Habitat

Moro onde nasci… No mesmo lugar, vivi e cresci…
Nado e criado…
Nunca saí do meu habitat senão por breves momentos…
E sempre regressei…
É onde sinto-me em segurança…

Mas nada se encontra como me lembro… Quase tudo em meu redor mudou… Trata-se de um habitat dinâmico ao qual tive de me adaptar e adaptou-se a mim…
Mas ainda se trata de um habitat apropriado para mim…

A mim cabe-me mantê-lo próprio em benefício do meu próprio bem-estar…
Limpezas, arrumações, asseio…
Melhoramentos…

1 comentário:

Fatima disse...

Este nosso habitat anda muito maltratado!